Cirurgias mais procuradas por eles

600-01184942As opções para corrigir as imperfeições no rosto e no corpo variam de acordo com a idade. Homens de até 30 anos, geralmente, demonstram o desejo de fazer uma plástica no nariz ou ficar livres das gordurinhas. Na faixa entre 40 e 50 anos, o paciente do sexo masculino procura o cirurgião para fazer pequenas alterações na face, como retirar o excesso de pele nas pálpebras e as bolsas de gordura, bem como realizar o transplante capilar fio a fio.“Quando um homem decide procurar um profissional em cirurgia plástica, ele busca, em primeiro lugar, fazer mudanças discretas, com um aspecto bem natural. Nada de mudanças drásticas ou de alterações que chamem atenção”, afirma Ruben Penteado. Até mesmo no atendimento, o paciente   requer um tratamento diferenciado. “As clínicas, já preparadas para essa nova demanda, encaram a visita masculina como parte da rotina de trabalho, por isto proporcionam um clima de conforto, privacidade e segurança para os novos visitantes”, informa.

Razões para o homem se preocupar com a aparência

12530037Vaidade? Necessidade profissional? Razões pessoais? Um misto destas respostas justifica o aumento da procura masculina por cirurgias plásticas. Dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica indicam que, em 2004, o Brasil realizou 616 mil cirurgias plásticas. Deste contingente, 31% ou 190 mil procedimentos foram realizados por homens. De lá para cá, a estimativa da entidade é que este percentual tenha crescido, pelo menos em 30%. “As intervenções masculinas mais corriqueiras são aquelas de pequeno porte, como a blefaroplastia, o peeling ou a lipoaspiração. A preocupação com o aspecto da pele e dos cabelos, antes encarada como uma preocupação feminina, hoje, também faz parte do universo masculino. No entanto, os homens têm outro perfil, gostam de soluções práticas, eficientes e simples, estas características devem ser levadas em conta no momento de atender a estes pacientes”, afirma o cirurgião plástico Ruben Penteado, diretor do Centro de Medicina Integrada.

Sem rugas no pescoço!

tr050177

Diferente da pele da face, a pele do pescoço é mais fina, delicada e pobre em lipídeos, o que caracteriza uma derme seca, menos resistente às agressões do meio ambiente e mais propensa à formação de rugas. Para prevenir o envelhecimento precoce do pescoço é fundamental a utilização de um bom creme hidratante, bem como a aplicação diária de um protetor solar, o que evita a danificação das fibras dérmicas pela radiação do sol. São essas fibras que garantem a firmeza e hidratação da pele. Cada pessoa, evidentemente, envelhece à sua maneira, mas é geralmente na faixa dos 50 que muitas  mulheres consideram fazer o primeiro lifting parcial,  cirurgia plástica feita para rejuvenescer o pescoço e remover a pele flácida na linha da mandíbula. Antes disto, há vários recursos para tratar a pele do pescoço a fim de reduzir a papada, proveniente do acúmulo de gordura nesta região e do avanço da idade. “A papada pode ser melhorada através de um processo de emagrecimento ou com a realização de uma lipoaspiração”, informa o cirurgião plástico, Ruben Penteado, diretor do Centro de Medicina Integrada.